Topo
Cara ou Coroa

Cara ou Coroa

Thatcher viraria nota de £50 na Inglaterra por inventar máquina de sorvete?

Felipe Branco Cruz

15/01/2019 08h34

Margaret Thatcher visita uma fábrica de coletes à prova de balas em 1997 (imagem: Michael Crabtree/Reuters)

A baronesa Margaret Thatcher, que foi uma das mulheres mais poderosas do mundo quando comandou o Reino Unido entre 1979 a 1990, virou motivo de chacota, após seu nome ter sido incluído pelo Banco da Inglaterra em uma lista de 989 cientistas que estão sendo cotadas para ilustrar a nova nota de 50 libras do país.

O motivo? De acordo com um comunicado do Banco da Inglaterra foi "por seu trabalho no time de pesquisa que ajudou a inventar a máquina de sorvetes cremosos", tipo aquelas usadas nas lanchonetes de fast food. O fato de Thatcher ter sido a primeira-ministra do Reino Unido não teve nada a ver com a indicação.

Porém, em entrevista ao jornal "The New York Times", o biógrafo oficial de Margaret Thatcher, Charles Moore, disse que não saberia afirmar com certeza se a invenção da máquina de sorvete foi mesmo dela, embora confirme que a ex-primeira-ministra foi uma excelente química.

Leia também:

Ninguém duvida também da importância do sorvete de casquinha para os britânicos, afinal, ele é uma das guloseimas mais adoradas no país, e suas primeiras receitas remontam ao século 18. Até nas moedas de 10 pence, a sobremesa já foi homenageada.

Mas, por mais saborosa que seja a suposta invenção de Thatcher, certamente suas realizações como primeira-ministra em outras áreas foram muito mais importantes. Parece desproposital usar a invenção da máquina de sorvete como justificativa para a homenageá-la na nota de 50 libras.

A atual nota de 50 libras

O anverso da cédula de 50 libras com a efígie da rainha Elizabeth 2ª

O reverso da cédula de 50 libras com as efígies de Matthew Boulton e James Watt

Como assim?

Para entender essa confusão, porém, é preciso antes conhecer o contexto. O Reino Unido está gradualmente substituindo suas notas de papel (de 5, 10, 20 e 50) por cédulas de polímero (um tipo de plástico) e pediu aos moradores do país sugestões de personalidades para serem homenageados em cada uma delas.

Para cada cédula, foi definida uma área (como literatura, artes visuais e ciência), e as pessoas foram convidadas a enviar sugestões. Foi assim com as notas de 5 libras, com a efígie de Sir Winston Churchill, em circulação desde 2016, e a da de 10 libras, com a efígie de Jane Austen, em circulação desde 2017. Joseph Mallord William Turner foi o escolhido para a cédula de 20 libras, que entrará em circulação em 2020.

Agora, falta escolher a personalidade da nota de 50, cujo tema é ciência. Teoricamente, Margaret Thatcher poderia concorrer, já que sua primeira formação foi em química. Porém, ela não entrou para a história por suas invenções científicas e seria uma covardia compará-la com os outros concorrentes, como Stephen Hawking, Alan Turing, Alexander Graham Bell, Ada Lovelace, Alexander Fleming e Michael Faraday, entre outros.

Ainda de acordo com a reportagem do "The New York Times", a sugestão do nome de Thatcher para ilustrar a nota foi iniciativa de um blog político de extrema direita. E, embora o nome dela esteja concorrendo, é improvável que vença. Nas casas de apostas britânicas, os nomes de Ada Lovelace, Stephen Hawkin e Dorothy Hodgkin são os mais cotados.

A decisão do homenageado só será divulgada no verão deste ano no hemisfério norte, ou seja, entre junho e setembro.


Siga o blog nas redes sociais e não perca nenhuma atualização:

Sobre o Autor

Felipe Branco Cruz coleciona moedas e curiosidades. É jornalista com mais de 10 anos de experiência, com passagem pelos principais veículos de comunicação do país. Atualmente é repórter de entretenimento do UOL, onde escreve sobre cultura pop, música, cinema e comportamento.

Sobre o Blog

Cara ou Coroa é o blog de numismática do UOL. Por aqui você encontra reportagens e curiosidades sobre as cédulas e moedas do Brasil e do mundo.