PUBLICIDADE
IPCA
-0,31 Abr.2020
Topo

A casa da moeda alternativa que fez dinheiro de SP na Revolução de 32

Felipe Branco Cruz

15/02/2019 08h15

Fachada da Casa Melhoramentos onde funcionou a casa da moeda paulista (imagem: Felipe Cruz)

Visitei recentemente em São Paulo a Casa Melhoramentos, que entre os numismatas é conhecida como a "casa da moeda paulista". O prédio, onde até hoje funciona a sede da empresa de papel, foi tombado pelo Conpresp (Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo) e passou por um retrofit. Agora, além de abrigar escritórios da Melhoramentos, o local conta também com espaço cultural e de eventos aberto à visitação pública.

A história do local como Casa da Moeda começou durante a Revolução Constitucionalista de 1932. Naquela época, São Paulo precisou emitir seu próprio dinheiro para financiar os esforços de guerra. Porém, como a Casa da Moeda do Brasil era no Rio de Janeiro, os paulistas precisavam encontrar alguma empresa local que fosse capaz de assumir essa responsabilidade. A saída foi buscar uma gráfica na capital que pudesse também imprimir o papel-moeda.

Leia também:

A tarefa recaiu sobre a Cia. Melhoramentos. De um dia para o outro, a empresa se transformou em uma casa da moeda revolucionária com a missão de produzir, em no máximo cinco dias, dinheiro em bom papel, bem impresso e com recursos que inviabilizassem falsificações. Um deles foi a utilização de fios de algodão coloridos. Ninguém sabe de onde vieram os fios, mas na época dizia-se que foram utilizadas as camisas dos próprios funcionários.

Duas toneladas de papel, então, foram produzidas em Caieiras, na Grande São Paulo, onde a Melhoramentos já fabricava inúmeros tipos de papel, e foram levados ainda úmidos, sob escolta de técnicos e soldados, para a gráfica localizada na rua Tito, na Vila Romana, em São Paulo.

Cédulas paulistas

Cédulas em exposição na Casa Melhoramentos com as efígies de Almirante Barroso, Domingos Jorge Velho, Marquês de Tamandaré e Floriano Peixoto (imagem: Felipe Cruz)

Cédulas em exposição na Casa Melhoramentos com as efígies de Ruy Barbosa, Duque de Caxias, Fernão Dias e Domingos Jorge Velho (imagem: Felipe Cruz)

A empresa fabricou para o estado de São Paulo cédulas de 5, 10, 50, 100 e 200 mil réis. Para a escolha das efígies, a recomendação era a de que fossem, primeiramente, brasileiros, e não apenas paulistas. Desta forma, foram homenageados Duque de Caxias, Almirante Barroso (na cédula, "Barroso" é escrito com Z), Marquês de Tamandaré, Ruy Barbosa, Floriano Peixoto e os bandeirantes Fernão Dias e Domingos Jorge Velho.

Embora a impressão fosse boa, o resultado não era à prova de falsificações. Menos de um mês depois, notas falsas já circulavam pela cidade. A saída foi usar os próprios técnicos da empresa, escoltados por policiais, para apontarem nas ruas quais notas eram falsas e quais eram verdadeiras.

A visita ao prédio da Melhoramentos pode ser estendida até o terceiro andar, que está abrigando atualmente a exposição "Os Planetas de Ziraldo", inspirada na coleção "Os Meninos dos Planetas", com curadoria da cineasta e filha do cartunista, Daniela Thomas. A mostra conta com desenhos inéditos, documentos históricos e uma homenagem ao livro "Flicts", que completa 50 anos em 2019.

Deixo um agradecimento ao colega Rodrigo Casarin, do blog "Página Cinco", que me deu a dica de que a casa está aberta à visitação.

Outros materiais

Selos e documentos oficiais do estado de São Paulo também foram impressos no local (imagem: Felipe Cruz)

Outros documentos oficiais do estado de São Paulo impressos no local (imagem: Felipe Cruz)

Serviço:

Endereço: Rua Tito, 479 – Vila Romana – São Paulo
Horário: das 9h às 21h
Tel.: (11) 3874-0402
www.casamelhoramentos.com.br


Siga o blog nas redes sociais e não perca nenhuma atualização:

Sobre o Autor

Felipe Branco Cruz coleciona moedas e curiosidades. É jornalista com mais de 10 anos de experiência, com passagem pelos principais veículos de comunicação do país. Atualmente é repórter de entretenimento do UOL, onde escreve sobre cultura pop, música, cinema e comportamento.

Sobre o Blog

Cara ou Coroa é o blog de numismática do UOL. Por aqui você encontra reportagens e curiosidades sobre as cédulas e moedas do Brasil e do mundo.

Cara ou Coroa